Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Passeio á Serra de Pias

por BttAlfenense, em 19.05.10

Olá a todos,

 

Desculpem o atraso pela reportagem...mas aqui vai.

 

Por sugestão do Eduardo, no passado sábado realizou-se mais um passeio desta vez á Serra de Pias. Compareceram o Paulo, Eduardo, Danone, Zé Mota, o Roberto e o Tiago.

Depois de um breve café, no Sagittárius, lá partimos em direção a tão esperada aventura. Inicialmente o percurso realizado por estrada, passando por Susão, Valongo até Couce. Aí começou o grande desafio...as subidas em trilhos onde a capacidade física e resistência eram postas á prova. 

Subida após subida, com mais ou menos dificuldade, lá se foram vencendo os obstáculos. Algumas partes dos trilhos com pedra solta a dificultar o andamento do grupo.

Chegados às "pedras brancas", local priveligiado para a práctica do parapente e com vistas espectaculares, um momento de pausa para ver uns motards a "fazerem pó"...

Depois seguimos ao ponto alto do passeio - a Pia. Foi o "batismo" para o Roberto, Zé Mota e Tiago, pois era a primeira vez que subiam á Pia.

O regresso foi feito por S. Martinho do Campo, Sobrado, Quinta rei, e mais uma subida ao marco geodésico na zona da quinta da lousa.

 

...a reportagem aqui:

 

...aproveitando a idéia do Roberto, o topónimo da Serra da Pia:

"Serra de Pias (também conhecida por Serra do Raio) é uma serra portuguesa localizando-se a sudoeste da freguesia de Campo, concelho de Valongo, no limite com freguesia de Aguiar de Sousa, do concelho de Paredes, sendo a sua área distribuída por estes dois concelhos.

O topónimo Pias ou Pia, este último mais vulgar popularmente, advém do facto de no seu cimo existir uma pequena concavidade escavada na rocha onde se deposita água. Em tempos não muito recuados quando havia épocas anormais e prolongadas de seca os habitantes das redondezas, nomeadamente os paroquianos de S. Martinho do Campo, faziam peregrinações ao cimo da serra para pedir chuva a Deus, sendo que, em alguns casos, no regresso a suas casas os romeiros já vinham acompanhados da tão desejada precipitação. Na sua cumeada existe também um pequeno planalto ao qual é dado o nome de Campo de S. Martinho. As águas das suas encostas correm livremente, ou através de pequenas linhas de água, quer para o rio Ferreira, que passa a Norte, quer para o rio Sousa, que se encontra mais a Sul. Esta serra possui plantas autóctones mas nas suas encostas proliferam as plantações industriais de eucaliptos desde há alguns anos. Desde tempos recuados que do seu subsolo têm sido extraídos minérios como o ouro e o antimónio. Actualmente ainda é extraída ardósia do subsolo do seu sopé localizado, nos lugares de Milhária e Vinhas, na freguesia de Campo. Esta serra conjuntamente com a serra de Santa Justa e a serra de Castiçal, esta localizada também no concelho de Gondomar, forma um vasto pulmão verde na área metropolitana do Porto, sendo que politicamente tem havido avanços e recuos na criação de uma reserva natural que abranja toda esta grande área.

 

...agora venha o próximo.

 

até lá, boas pedaladas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:48



bttalfenense

Mais sobre mim


calendário






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D